Paraná conquista a Copa das Federações 2016 em Uberlândia

Foto: Marcello Zambrana/CBT

Foto: Marcello Zambrana/CBT

Uberlândia (MG), 27 de julho de 2016 – O Paraná se sagrou tricampeão da Copa das Federações nesta quarta-feira, ao vencer uma emocionante disputa ponto a ponto com São Paulo no Praia Clube de Uberlândia, em Minas Gerais. A equipe da Federação Paranaense de Tênis iguala as campanhas de 2002 e 2011, edições em que havia conquistado o título.

Em busca do 12º título, São Paulo iniciou o último dia da disputa com poucos pontos de vantagem para o Paraná, com o Rio Grande do Sul na terceira colocação. Os paulistas tinham cinco finais de categorias a disputar, enquanto os paranaenses quatro. Duas finais eram confrontos diretos e foi justamente em uma delas que o Paraná pôde comemorar a conquista em Uberlândia, ao vencer a categoria 14 anos masculino, na qual o vencedor ficaria com o título geral.

O aproveitamento dos paranaenses nas finais e disputas de terceiro lugar fizeram a diferença em uma disputa que terminou com apenas 6 pontos de diferença entre os dois primeiros colocados. Com campeões de 12 anos masculino, 14 anos masculino, 16 anos masculino e sub-23 anos feminino, o Paraná somou 122 pontos contra 116 de São Paulo, que teve os vencedores de 12 anos feminino e 14 anos feminino, além de ficar com o vice em 14 anos masculino, sub-23 anos masculino e sub-23 anos feminino.

Os três primeiros colocados repetem os de 2015, com a mudança nas posições. São Paulo era o atual campeão, com o Rio Grande do Sul de vice e o Paraná em terceiro. Desta vez, com Paraná campeão e São Paulo vice, o Rio Grande do Sul ficou com a terceira colocação com 96 pontos.

Equipe anfitriã, Minas Gerais venceu a disputa com o Distrito Federal para ficar em quarto lugar, enquanto os brasilienses levaram a quinta colocação. Os mineiros foram campeões da categoria 16 anos feminino ao superar o Rio Grande do Sul, que venceu o sub-23 anos masculino e perdeu, além do 16 anos feminino, a final de 12 anos masculino. O Distrito Federal levou equipes a três finais e ficou com o vice-campeonato de 12 anos feminino, 14 anos feminino e 16 anos masculino.

Nas chaves da divisão B, o Rio de Janeiro foi campeão de 12 anos masculino ao vencer Alagoas. Bahia foi campeã de 14 anos masculino ao derrotar o Rio de Janeiro, o Mato Grosso do Sul conquistou o título de 16 anos masculino ao bater Pernambuco e Goiás levou o título do sub-23 anos masculino vencendo o Rio de Janeiro.

Copa das Federações 2016 - Final//embedr.flickr.com/assets/client-code.js

 

Confira abaixo o resultado final de cada categoria e os atletas campeões:

12 anos feminino:

1º SP – Ana Candiotto, Gabriela Siqueira e Giovanna Piedemonte

2º DF – Maria Luisa Oliveira, Ana Beatriz Reis e Giovana Martins

3º PR – Maria Eduarda Mauad, Nicole Serraglio, Maria Luisa Bloot e Maria Elisa Ramos

14 anos feminino:

1º SP – Camilla Bossi, Erika Cheng, Juliana Munhoz e Natalia Mesquita

2º DF – Isabel Oliveira, Bruna Sampaio e Julia Moraes

3º PR – Julia Klimovicz, Maria Eduarda Oliveira, Nathalia Mossambini e Luana Wild

16 anos feminino:

1º MG – Marina Figueiredo, Giovanna Pereira e Isabela Oliveira

2º RS – Laura Wayerbacher, Gabriela Herwig, Rafaela Mahnerin e Livia Martins

3º SP – Ana Paula Melilo, Isabela Bifano, Roberta Armani e Ana Defendi

Sub-23 anos feminino:

1º PR – Kathleen Percegona, Vitoria Okayama, Nathalia Gasparin e Isadora Rinaudo

2º SP – Rafaela Santos, Amanda Andrade Silva e Marcelle Cirino

3º MG – Ana Carla Resende, Giovanna Caputo e Bruna Gonçalves

12 anos masculino A:

1º PR – João Schiessl, Lucca Liu, Percy Buffara e Gabriel Schenekenberg

2º RS – Victor Tosetto, Gustavo Tedesco, Germano Setti e Ricardo Rockenbach

3º SC – Mateus Buemo, Henrique Bertoli e Bruno Fernandez

14 anos masculino A:

1º PR – Adriell Santos, Matheus Ramos, João Duleba e Eduardo Stephanes

2º SP – André Silva, Gustavo Heide, Gabriel Generoso e Marcelo Romboli

3º MG – Bruno Oliveira, Lucas Abreu e João Victor Loureiro

16 anos masculino A:

1º PR – Lucas Lima, Eduardo Taiguara, Victor Castro e Eduardo Almeida

2º DF – Paulo Santos, Gustavo Campos, Nino Portugal e Bernardo Pappas

3º RS – Giovanni Araújo, Guilherme Toresan, Antonio Sasso e Henri Luz

Sub-23 anos masculino A:

1º RS – Oscar Gutierrez, Nicolas Cavalheiro, Lucca Baptista e Gabriel Friedrich

2º SP – Igor Marcondes, Guilherme Coco, Gustavo Cruz e Enrique Bogo

3º SC – Lourenço Gasperini, André Cezar e Luiz Fernando Faria

12 anos masculino B:

1º RJ – Victor Alves, João Blumenschein, Bruno Reis e Felipe Peixoto

2º AL – Gabriel Barbosa e Ricardo Motta

3º ES – Pedro Abdalla, Caio Teixeira e João Caliman

14 anos masculino B:

1º BA – Gustavo Schwebel, Luis Guilherme Cupertino e Daniel Souza

2º RJ – Matheus Paiva, Vinicius Costa, Pedro Cardoso e Rafael Xavier

3º CE – João Claudio Mota, Derek Silva e Matheus Barroso

16 anos masculino B:

1º MS – Matheus Correa, Felipe Osvualdo, Gustavo Gloor e João Vitor Assis

2º PE – Vitor Jordão e Luiz Felipe Maia

3º GO – Gustavo Camelo, Lucas Obeid e Pedro Augusto Sousa

Sub-23 anos masculino B:

1º GO – Eduardo Feltre, Armando Ferreira, Gabriel Ferreira e Hugo Andrade

2º RJ – Vitor Monteiro, Rafael Vidal e Kim Rocha

3º AM – Guilherme Diniz e Samuel Santos

 

Classificação final da Copa das Federações 2016:

1º Paraná – 122 pontos

2º São Paulo – 116 pontos

3º Rio Grande do Sul – 96 pontos

4º Minas Gerais – 84 pontos

5º Distrito Federal – 80 pontos

6º Santa Catarina – 78 pontos

7º Goiás – 47 pontos

8º Rio de Janeiro – 38 pontos

9º Bahia – 29 pontos

10º Pernambuco – 28 pontos

11º Espírito Santo – 27 pontos

12º Ceará – 25 pontos

13º Mato Grosso do Sul – 18 pontos

14º Alagoas – 16 pontos

15º Amazonas – 8 pontos

16º Mato Grosso – 6 pontos

17º Tocantins – 5 pontos

Copa das Federações começa nesta segunda-feira no Praia Clube

Congresso técnico da Copa das Federações Crédito: Marcello Zambrana/CBT

Congresso técnico da Copa das Federações
Crédito: Marcello Zambrana/CBT

Uberlândia (MG), 24 de julho de 2016 – O Praia Clube de Uberlândia recebe a partir desta segunda-feira a Copa das Federações 2016, competição por equipes que reúne este ano times de 17 federações estaduais de tênis. Os jogos acontecem a partir das 9h30, com a disputa das categorias 12, 14, 16 e sub-23 anos masculino e feminino valendo pontos para definir o campeão.

A equipe de São Paulo é a atual campeã e conta com equipe completa para tentar a defesa do título, contando com tenistas como Igor Marcondes e Gustavo Cruz, que já têm pontos no ranking ATP, além de outros nomes de destaque dentro do circuito nacional como Ana Paula Melilo, vencedora das três etapas do Circuito Correios disputadas este ano na categoria 16 anos.

Time anfitrião, Minas Gerais mais uma vez vem com equipes em todas as categorias e busca repetir a campanha de 2014, quando ficou com o título da competição na classificação geral. Os mineiros contam com Bruno Oliveira e Marina Figueiredo, que representaram o Brasil este ano nos Sul-Americanos de 14 e 16 anos, respectivamente.

Vice-campeão em 2015, o Rio Grande do Sul também conta com uma equipe forte formada por tenistas como Amanda Oliveira, vencedora de todas as etapas do Circuito Juvenil Correios na categoria 12 anos feminino, além de Laura Wayerbacher, que disputou o Sul-Americano de 16 anos pelo Brasil, e do tenista profissional Oscar Gutierrez.

Outra equipe que tradicionalmente disputa o título é o Paraná, que tem em sua delegação o tenista universitário Gabriel Sidney, da Universidade de Pepperdine. O time paranaense também conta com Adriell Santos na categoria 14 anos, João Eduardo Schiessl na 12 anos e Vitoria Okuyama no sub-23 anos feminino.

A Federação Catarinense de Tênis, que também já se sagrou campeã da Copa das Federações, traz a Uberlândia uma equipe completa, com destaque para Mateo Reyes na categoria 16 anos masculino, Pedro Boscardin Dias, que vem de título conquistado na Áustria, na categoria 14 anos, além de Carolina Laydner na categoria 12 anos.

Goiás é outro estado cujo a federação conta com equipes em todas as categorias na Copa das Federações. O principal destaque goiano é Nalanda Silva, da categoria 14 anos, que ajudou o Brasil a conquistar o título sul-americano deste ano no Paraguai. O time de sub-23 anos masculino tem ainda Eduardo Felter e Armando Ferreira.

Os outros estados com equipes na competição são Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Rio de Janeiro e Tocantins.

Alagoas conta com Gabriel Barbosa, número 2 do Brasil na categoria 12 anos, Amazonas tem Felipe Barbosa top 30 do país na categoria 14 anos, Bahia conta com José Nilson Maciel Neto na categoria 12 anos. O Ceará tem Armando Rangel na categoria sub-23 anos, o Distrito Federal tem como destaque Luiza Fullana na categoria 16 anos, o Espírito Santo tem Thaissa Moreira na categoria 16 anos, o Mato Grosso tem Bryan Kuntz na categoria 14 anos. O Mato Grosso do Sul tem entre seus tenistas Raíssa Novais na categoria 12 anos e Pernambuco conta com Aécio Fonte Neto na categoria 12 anos. O Rio de Janeiro conta com Victor Alves na categoria 12 anos e o Tocantins tem Pedro Henrique Sousa na categoria 16 anos masculino.

“É importante ver 17 federações participando e tudo isso de gente, tem muitas federações com meninos de projetos sociais, muitas que no ano passado estavam aqui com menos equipes e aumentaram para este ano, federações que trouxeram meninos já com ponto no ranking ATP. É a competição mais importante do Brasil por equipes, que desperta o sentido de equipe em todo mundo, a parceria, cooperação e a união”, afirma José Guilherme Danelon, vice-presidente da Confederação Brasileira de Tênis, que está presente no Praia Clube durante os dias de disputa da Copa das Federações.

A Copa das Federações acontece nesta segunda, terça e quarta-feira. Além dos jogos, o evento terá ainda um encontro com Patricio Arnold na terça e quarta-feira às 8h30 para todos os treinadores e pais dos tenistas para explicar informações sobre o Departamento de Alto Rendimento da Confederação Brasileira de Tênis.

Brasileirão define classificados para a chave principal

Marvin Spiering Crédito: Marcello Zambrana/CBT

Marvin Spiering
Crédito: Marcello Zambrana/CBT

O Campeonato Brasileiro Infantojuvenil de Tênis teve neste domingo a definição dos tenistas que avançaram do qualifying para a chave principal no Praia Clube de Uberlândia. A disputa da chave principal GA acontece a partir de quinta-feira, dia 28, e vai até domingo para a definição dos campeões brasileiros de 2016.

Na categoria 12 anos masculino, se classificaram para a chave principal o paulista Kauã Cressoni, o carioca João Blumenschein, o mineiro Leonardo Bastos, o gaúcho Germano Setti, o sul-matogrossense Eduardo Falqueiro, o baiano Felipe Ignacio, o paranaense Percy Bufara e o brasiliense Arthur Souza. Para a categoria 12 anos feminino, avançaram à chave principal a mineira Maria Eduarda Lima, a paranaense Nicole Serraglio, a catarinense Julia Mendes e a paulista Giovanna Piedemonte.

Os classificados para a chave principal na categoria 14 anos masculino foram os gaúchos Guilherme Bier e Matheus Fachin, o alagoano Lucas Britto, o brasiliense Vitor Cavalcante e os paulistas Diego Castro, Nicolas Zanellato, Antonio Felipe e Pedro Cardoso. Na categoria 14 anos feminino, se garantiram na chave principal a mineira Clara Penido, a capixaba Isabela Mercante e as paulistas Debora Souza e Maria Gouveia.

Os tenistas que avançaram na categoria 16 anos masculino foram o mineiro Murilo Leonel, o sul-matogrossense Matheus Correa e os paulistas Rodrigo Carvalho, Matheus Queiroz, Miguel Festa, Matheus Lima, Raí Araújo e Enzo Alavaski. Para a chave feminina de 16 anos, avançaram a carioca Camilla Fonseca, a paulista Evelin Gouveia, a mineira Mariane Lima e a brasiliense Luisa Campos.

Já na categoria sub-23 anos masculino, os paulistas Vinicius Lourenço, André Russo, João Giannella e Gabriel Silva, além do brasiliense Gabriel Nemeth, o matogrossense Marvin Spiering, o mineiro João Garreto e o paranaense Felipe Garla avançaram para a chave principal. No feminino, a goiana Andressa Gomes, a carioca Tayná Mendes e as paulistas Amanda Helminsky e Alessandra Silva se classificaram do qualifying.

Brasileirão conhece campeões do Tennis Kids em Uberlândia

Foto: Marcello Zambrana/CBT

Foto: Marcello Zambrana/CBT

Uberlândia (MG), 21 de julho de 2016 – O Campeonato Brasileiro de Tênis conheceu nesta quinta-feira os campeões do Tennis Kids (7 a 11 anos) no Praia Clube de Uberlândia.

O mineiro Samuel Bastos foi o campeão de 8 anos masculino ao vencer a final contra o capixaba Rodrigo Filho com parciais de 5/7 7/5 10-7. O título feminino ficou com a paulista Maria Pittigliani, que superou a também paulista Julia Miranda no round robin.

A campeã de 9 anos feminino foi a goiana Mariana Soares, que superou no round robin a também goiana Yasmin Aleixo. O título masculino foi conquistado pelo catarinense Bernardo Fuckner, que venceu na final o goiano Arthur Brom com parciais de 6/3 6/4.

Na categoria 10 anos masculino, Augusto Machado levou a melhor em final gaúcha contra Thiago Guglieri, com 6/4 5/7 10-1. A catarinense Allegra Hodson foi campeã da chave feminina ao vencer a paulista Olivia Carneiro por duplo 6/4.

As gêmeas mineiras Eduarda Nomura e Barbara Nomura foram campeã e vice da categoria 11 anos feminino, disputada em round robin. O goiano Caio Souza foi campeão de 11 anos masculino ao vencer o mineiro Leonardo Bastos por duplo 6/4.

Francisco Damorim e Caio Sunago foram os campeões de 8 anos masculino nas duplas, com vitória sobre Filippo Ralid e Rodrigo Filho, com 7/6(5) 6/7(6) 12-10. Nas duplas de 9 anos masculino, Enzo Flores e Rafael Sales venceram João Toffoli e Bernardo Fuckner por 6/4 3/6 11-9.

As campeãs de 10 anos feminino nas duplas foram Allegra Hodson e Olivia Carneiro, que venceram Bruna Melato e Gabriela Felix por 7/5 6/2. Augusto Machado e Ettore Danesi foram campeões de 10 anos masculino com vitória sobre Thiago Guglieri e Vinicius Magrin por duplo 6/4. O título de duplas na categoria 11 anos masculino ficou com Otavio Santos e Kauã Santos, que venceram Caio Souza e Henrique Brito por duplo 7/5.

Inscrições abertas para o Brasileirão Tennis Kids 2016

Foto: Cristiano Andujar/Arquivo CBT

Foto: Cristiano Andujar/Arquivo CBT

São Paulo (SP), 13 de junho de 2016 – O Campeonato Brasileiro Tennis Kids 2016, o Brasileirão, será realizado entre os dias 19 e 21 de julho no Praia Clube de Uberlândia, em Minas Gerais.

As inscrições para as categorias 8, 9, 10 e 11 anos com bolas amarelas e com bolas verdes masculino e feminino podem se inscrever no Brasileirão até o dia 4 de julho, pelo site www.tenisintegrado.com.br.

O Tennis Kids é a grande novidade do calendário nacional de tênis. Neste ano já foram realizadas as chaves de 8 a 11 anos em grandes torneios como o Banana Bowl, o Campeonato Internacional Juvenil de Porto Alegre e nas etapas do Circuito Juvenil Correios em Curitiba e Porto Alegre, além de Criciúma, que recebe a competição no próximo fim de semana.

O Circuito Tennis Kids já se consolidou no tênis brasileiro, com o total de 38 torneios realizados ou agendados em todas as regiões do Brasil até o mês de julho.

As categorias 8 e 9 anos são disputadas com bolas laranjas (50% mais lentas). Já a categoria 10 anos terá as chaves disputadas sempre com bolas verdes (25% mais lentas). Já a categoria 11 anos conta com duas chaves diferentes para ajudar na transição da categoria 10 para a 12 anos. Uma chave é disputada com a tradicional bola amarela e a outra com a bola verde, que facilita o aprendizado correto dos fundamentos.

Garanta sua inscrição no Campeonato Brasileiro Infantojuvenil 2016

Crédito: Cristiano Andujar/Arquivo CBT

Crédito: Cristiano Andujar/Arquivo CBT

São Paulo (SP), 13 de junho de 2016 – O Campeonato Brasileiro Infantojuvenil 2016, o Brasileirão, será realizado entre os dias 19 e 31 de julho no Praia Clube de Uberlândia, em Minas Gerais. As inscrições para as categorias 12, 14, 16 e sub-23 anos, que acontecem a partir do dia 21 de julho, podem ser feitas até o dia 27 de junho no sistema da Confederação Brasileira de Tênis, disponível em www.tenisintegrado.com.br.

Pelo segundo ano consecutivo, a cidade de Uberlândia recebe o principal torneio infantojuvenil de tênis do Brasil em um dos melhores clubes da América Latina, o Praia Clube. Diferentemente das demais etapas do Circuito Juvenil Correios, o Brasileirão não terá classificação por meio de seletivas. O qualifying será novamente aberto, sem limite no número de tenistas inscritos, e a a pontuação será maior em relação aos demais torneios.

Assim como em todas as etapas do Circuito Juvenil Correios, o Brasileirão terá gratuidade de alimentação e hospedagem para todos os tenistas da chave principal nas categorias 12, 14 e 16 anos masculino e feminino. As categorias sub-23 anos masculino e feminino não terão gratuidade, mas haverá premiação em dinheiro com total de R$ 5 mil no masculino, que tem premiados a partir das quartas de final, e R$ 3 mil no feminino, com premiadas nas semifinais.

Entre o qualifying e a chave principal, acontecerá a Copa das Federações 2016, torneio por equipes formadas por tenistas de cada federação estadual, que é uma das competições mais tradicionais no calendário brasileiro.

Novidade para este ano, o Tennis Kids também será disputado no Brasileirão, entre os dias 19 e 21 de julho, com as categorias 8, 9, 10 e 11 anos com bolas verdes e com bolas amarelas. Os tenistas que competem no Tennis Kids podem se inscrever no Brasileirão até o dia 4 de julho, também pelo site www.tenisintegrado.com.br.

Circuito Correios fecha etapa de Porto Alegre com campeões de 5 estados

Crédito: Marcello Zambrana/CBT

Crédito: Marcello Zambrana/CBT

Porto Alegre (RS), 29 de maio de 2016 – Em dia com finais disputadas em quadras cobertas devido à chuva, o Circuito Juvenil Correios encerrou neste domingo a sua segunda etapa na temporada, realizada na Associação Leopoldina Juvenil, em Porto Alegre, um dos clubes mais tradicionais do Brasil. O torneio teve campeões de cinco estados nas chaves de simples das categorias 12, 14, 16 e sub-23 anos masculino e feminino, com atletas de Goiás, Paraná, Santa Catarina, São Paulo e o anfitrião Rio Grande do Sul conquistando títulos.

Gaúcha de Caxias do Sul, Amanda Oliveira, de apenas 11 anos, chegou a seu segundo título na categoria 12 anos feminino do principal circuito nacional ao derrotar na final a paulista Gabriela Siqueira por 2 sets a 0, com duplo 6/2. Amanda, que neste ano defendeu o Brasil no Sul-Americano de 12 anos, também havia conquistado a etapa de Curitiba.

Depois de ser o único entre os oito cabeças de chave a passar da estreia na chave de simples da categoria 12 anos masculino, o paulista Lucas Silva, de 11 anos, que é natural de Santos, conquistou o título neste domingo ao derrotar na final o gaúcho Gustavo Tedesco por 2 sets a 1, com parciais de 6/2 2/6 6/0.

A goiana Nalanda Silva, que no ano passado conquistou títulos em duas etapas do Circuito Juvenil Correios, além do Correios Masters Cup, manteve a boa sequência na atual temporada e venceu sua segunda etapa consecutiva neste domingo. Campeã em Curitiba e membro da equipe brasileira que foi campeã sul-americana de 14 anos, a atleta da cidade de Minaçu venceu neste domingo a catarinense Namie Isago, com parciais de 6/1 7/6(1), em Porto Alegre.

O catarinense Pedro Boscardin Dias, de 13 anos, alcançou sua segunda final consecutiva da categoria 14 anos masculino e, desta vez em Porto Alegre, conseguiu o título ao superar na decisão o paulista Guilherme Zotin por 2 sets a 1, com parciais de 6/3 6/7(1) 6/1.

Na categoria 16 anos feminino, a paulista Ana Paula Melilo conseguiu seu segundo título no ano. A atleta de 15 anos garantiu a conquista em Porto Alegre ao vencer a final contra a brasiliense Luiza Fullana por 2 sets a 0, com 7/5 6/4.

O catarinense Mateo Reyes, atual número 19 do ranking nacional, conquistou o título da categoria 16 anos masculino em Porto Alegre ao superar na final o cearense Jackson Xavier. Depois de derrotar dois cabeças de chave, Reyes venceu a final deste domingo com parciais de 7/5 7/6(5).

Depois de ficar com o vice-campeonato em Curitiba, a paranaense Vitória Okuyama, de 16 anos, conquistou o título da categoria sub-23 anos ao superar na final a gaúcha Laura Wayerbacher, de 15 anos, que disputou a categoria pela primeira vez no circuito e fez grande campanha vindo do qualifying até a decisão. Okuyama venceu a partida com parciais de 7/5 6/0 e garantiu a premiação de de R$ 1.500,00, enquanto Wayerbacher faturou R$ 800 com o vice-campeonato.

O paranaense Felipe Garla, de 21 anos, atingiu nove vitórias consecutivas em Porto Alegre para conquistar o título da categoria sub-23 anos masculino e faturar R$ 2 mil em premiação. Atleta vindo do qualifying, Garla venceu na decisão o gaúcho Lucca Baptista, de 17 anos, por 2 sets a 1, com parciais de 6/2 1/6 6/4. Pelo vice-campeonato, Baptista conseguiu R$ 1 mil de premiação.

 

Confira abaixo os resultados finais de todas as categorias:

Simples

12F: Amanda Oliveira (RS) d. Gabriela Siqueira (SP) – 6/2 6/2

12M: Lucas Silva (SP) d. Gustavo Tedesco (RS) – 6/2 2/6 6/0

14F: Nalanda Silva (GO) d. Namie Isago (SC) – 6/1 7/6(1)

14M: Pedro Boscardin (SC) d. Guilherme Zotin (SP) – 6/3 6/7(1) 6/1

16F: Ana Paula Melilo (SP) d. Luiza Fullana (DF) – 7/5 6/4

16M: Mateo Reyes (SC) d. Jackson Xavier (CE) – 7/5 7/6(5)

23F: Vitória Okuyama (PR) d. Laura Wayerbacher (RS) – 7/5 6/0

23M: Felipe Garla (PR) d. Lucca Baptista (RS) – 6/2 1/6 6/4

 

Duplas

12F: Ana Candiotto (SP)/Maria Luisa Oliveira (DF) d. Maria Eduarda Mauad (PR)/Amanda Oliveira (RS) – 6/4 4/6 15-13

12M: Victor Tosetto (RS)/João Schiessl (PR) d. Gabriel Barbosa (AL)/Aécio Fonte (PE) – WO

14F: Namie Isago (SC)/Nalanda Silva (GO) d. Camilla Bossi (SP)/Juliana Munhoz (SP) – 6/0 6/3

14M: Adriell Santos (PR)/João Duleba (PR) d. Guilherme Zotin (SP)/André Silva (SP) – 1/0 RET

16F: Thais Andreotti (PR)/Ana Paula Melilo (SP) d. Roberta Armani (SP)/Luiza Fullana (DF) – 6/4 3/6 10-6

16M:

23F: Nathalia Gasparin (PR)/Vitória Okuyama (PR) d. Giovanna Caputo (MG)/Gabriela Azambuja (SC) – 6/0 6/3

23M: Luiz Fernando Faria (SC)/João Hinsching (SC) d. Pedro Macchia (SP)/Henrique Leal (SP) – 6/3 6/3

 

Inscrições para a etapa de Criciúma terminam nesta segunda-feira

 

Os tenistas das categorias 12, 14, 16 e sub-23 anos masculino e feminino têm até esta segunda-feira para fazer inscrição na terceira etapa do Circuito Juvenil Correios, que acontecerá entre os dias 17 e 26 de junho na Sociedade Recreativa Mampituba, em Criciúma, Santa Catarina.

 

O qualifying acontece entre os dias 19 e 23 de junho, enquanto a chave principal terá os jogos disputados de 23 a 26 de junho em simples e duplas.

 

As crianças que competem no Tennis Kids, das categorias 8, 9, 10 e 11 anos poderão se inscrever até o dia 6 de junho. Os jogos serão realizados entre os dias 17 e 19 de junho.

 

A etapa de Porto Alegre do Circuito Juvenil Correios é realizado pela Confederação Brasileira de Tênis em parceria com a Federação Gaúcha de Tênis, com patrocínio dos Correios e apoio Asics, Tretorn e Associação Leopoldina Juvenil.

Circuito Correios conhece campeões neste domingo em Porto Alegre

Porto Alegre - RS - 28/05/2016 - Circuito Juvenil Correios - Foto: Marcello Zambrana/CBT

Porto Alegre – RS – 28/05/2016 – Circuito Juvenil Correios – Foto: Marcello Zambrana/CBT

Porto Alegre (RS), 28 de maio de 2016 – O Circuito Juvenil Correios definiu neste sábado os finalistas da etapa de Porto Alegre, realizada nas quadras da Associação Leopoldina Juvenil, um dos mais tradicionais clubes do tênis brasileiro. As finais terão atletas de sete estados, incluindo o Rio Grande do Sul. As partidas masculinas de simples acontecem neste domingo, a partir das 8h30, com as femininas sendo disputadas após as 9h30.

Anfitrião da competição, o Rio Grande do Sul tem atletas nas finais de 12 anos masculino, 12 anos feminino, sub-23 anos masculino e sub-23 anos feminino, com Gustavo Tedesco, Amanda Oliveira, Lucca Baptista e Laura Wayerbacher, respectivamente. Também disputam títulos jogadores de Ceará, Distrito Federal, Goiás, Paraná, Santa Catarina e São Paulo.

Convidado da organização, o gaúcho Gustavo Tedesco aproveitou a oportunidade para alcançar pela primeira vez a final da categoria 12 anos masculino do Circuito Juvenil Correios após ter vencido duelo com o também gaúcho Victor Tosetto na semifinal, com 6/2 6/0, chegando à decisão sem perder sets. Do outro lado da chave, o paulista Lucas Silva, cabeça de chave 5, também chegou à final sem sets perdidos e superou na semi o carioca Guilherme Matta por 6/1 6/4.

Jogadora que fez parte do Time Correios Brasil no Sul-Americano de 12 anos, a gaúcha Amanda Oliveira chegou mais uma vez à final e tentará o segundo título consecutivo após ter sido campeã em Curitiba. Ela venceu a semifinal contra a brasiliense Maria Luisa Oliveira por duplo 6/0. Com vitórias diante de duas cabeças de chave, a paulista Gabriela Siqueira avançou à final ao superar a catarinense Carolina Laydner com 6/1 5/7 6/2 na semifinal.

Vice-campeão na etapa de Curitiba, o catarinense Pedro Boscardin terá mais uma chance de conquistar o título na categoria 14 anos em Porto Alegre após vencer na semifinal o paulista Breno Marques por 6/4 6/3. Do outro lado da chave, o paulista Guilherme Zotin derrotou na semifinal o paulista André Silva por duplo 6/3 e chega para a disputa da final em campanha sem sets perdidos.

A goiana Nalanda Silva e a catarinense Namie Isago reeditam em Porto Alegre a final da categoria 14 anos feminino. Campeã em Curitiba, Nalanda derrotou na semifinal a brasiliense Isabel Oliveira por 6/3 6/1. Isago venceu do outro lado da chave a paulista Camilla Bossi com parciais de 6/3 6/4.

Pela categoria 16 anos masculino, o cearense Jackson Xavier eliminou o cabeça de chave 1, o paulista Bruno Serra, e o 5, o brasiliense Paulo Santos, para chegar à final. Na semifinal contra Santos, Jackson cedeu apenas um game, fechando por 6/1 6/0. O catarinense Mateo Reyes chegou à decisão do outro lado da chave depois de surpreender o cabeça de chave 2, o amazonense Guilherme Diniz, e o paulista Rodrigo Carvalho, na semifinal, com 6/4 3/6 6/1.

Campeã da etapa de Curitiba, a paulista Ana Paula Melilo tentará o seu segundo título consecutivo em Porto Alegre neste domingo. Cabeça de chave 1, ela chegou à decisão com apenas cinco games perdidos, vencendo a semifinal contra a gaúcha Gabriela Herwig por 6/3 6/0. A brasiliense Luiza Fullana alcançou a final ao derrotar na semifinal a paranaense Thais Andreotti com parciais de 6/2 6/0.

A final da categoria sub-23 anos masculino terá dois tenistas que precisaram virar seus jogos para alcançar a final na Associação Leopoldina Juvenil. O paranaense Felipe Garla, que veio do qualifying, venceu na semifinal o paulista Renato Lima com parciais de 3/6 6/2 6/0. O gaúcho Lucca Baptista também saiu atrás na outra semifinal, mas conseguiu a virada e superou o paulista Rafael Tosetto com 6/7(4) 6/4 6/3.

A gaúcha Laura Wayerbacher, de apenas 15 anos, também fez grande campanha vindo do qualifying na categoria sub-23 anos para alcançar a final. Ela superou na semifinal a mineira Giovanna Caputo, com 6/1 4/6 7/6(8). A outra finalista será a paranaense Vitória Okuyama, que foi vice-campeã na etapa de Curitiba e neste sábado derrotou na semifinal Gabriela Azambuja, de Santa Catarina, com 6/2 5/7 6/1.

Confira abaixo a programação de simples deste domingo:

A partir das 8h30

12M: Lucas Silva (SP) vs Gustavo Tedesco (RS)

14M: Pedro Boscardin (SC) vs Guilherme Zotin (SP)

16M: Jackson Xavier (CE) vs Mateo Reyes (SC)

23M: Felipe Garla (PR) vs vs Lucca Baptista (RS)

Não antes das 9h30

12F: Amanda Oliveira (RS) vs Gabriela Siqueira (SP)

14F: Nalanda Silva (GO) vs Namie Isago (SC)

16F: Ana Paula Melilo (SP) vs Luiza Fullana (DF)

23F: Vitória Okuyama (PR) vs Laura Wayerbacher (RS)

A etapa de Porto Alegre do Circuito Juvenil Correios é realizado pela Confederação Brasileira de Tênis em parceria com a Federação Gaúcha de Tênis, com patrocínio dos Correios e apoio Asics, Tretorn e Associação Leopoldina Juvenil.

Confira as chaves e programação no site www.circuitojuvenilcorreios.com e fotos em Facebook.com/circuitojuvenilcorreios ou Flickr.com/cbtenis

Circuito Juvenil Correios tem favoritos surpreendidos em Porto Alegre

Porto Alegre - RS - 27/05/2016 - Circuito Juvenil Correios - Foto: Marcello Zambrana/CBT

Porto Alegre – RS – 27/05/2016 – Circuito Juvenil Correios – Foto: Marcello Zambrana/CBT

Porto Alegre (RS), 27 de maio de 2016 – A etapa de Porto Alegre do Circuito Juvenil Correios teve nesta sexta-feira a definição das classificadas para as semifinais femininas de simples e os das quartas de final masculinas de simples após um longo dia de jogos nas quadras da Associação Leopoldina Juvenil, que conhecerá neste sábado os finalistas de todas as categorias, com jogos a partir das 8h30.

Na chave masculina da categoria sub-23 anos, os dois principais cabeças de chave foram surpreendidos logo na estreia. Os paulistas Gustavo Cruz e Enrique Bogo foram derrotados respectivamente pelo paranaense Felipe Garla e o mineiro João Pedro Ferreira, ambos atletas que vieram do qualifying. Além deles, se classificaram para as quartas de final os paulistas Gabriel Silva, Renato Lima, Tulio Crepaldi e Rafael Tosetto, além dos gaúchos Hugo Muller e Lucca Baptista.

A chave feminina também teve uma das favoritas eliminada logo na partida de estreia. A paranaense Kathleen Percegona foi derrotada por Gabriela Azambuja, tocantinense radicada em Santa Catarina. Também se garantiram nas semifinais a paranaense Vitória Okuyama, a mineira Giovanna Caputo e a gaúcha Laura Wayerbacher, que veio do quali e recentemente disputou o Campeonato Sul-Americano de 16 anos pelo Brasil.

O paulista Bruno Serra e o amazonense Guilherme Diniz confirmaram a condição de favoritos na categoria 16 anos masculino e avançaram às quartas de final. Além deles, se classificaram o cearense Jackson Xavier, os paulistas Pedro Cordeiro e Rodrigo Carvalho, os brasilienses Paulo Santos e Gustavo Campos, além do catarinense Mateo Reyes.

Já na chave feminina de 16 anos, o destaque entre as classificadas para as semifinais foi a gaúcha Gabriela Herwig, atleta da Associação Leopoldina Juvenil, que eliminou a cabeça de chave 3 do torneio, a paulista Evelin Gouveia. Além dela, avançaram a paulista Ana Paula Melilo, a brasiliense Luiza Fullana e a paranaense Thais Andreotti.

Os paulistas Guilherme Zotin e Gabriel Generoso, além do gaúcho Matheus Fachin foram os únicos que não eram cabeças de chave garantidos nas quartas de final em Porto Alegre com as vitórias desta sexta-feira na categoria 14 anos masculino. Também avançaram o paranaense Matheus Ramos, os paulistas Breno Marques e André Silva, o catarinense Pedro Boscardin e o paraense Joaquim Almeida.

Campeã e vice na etapa anterior, em Curitiba, a goiana Nalanda Silva e a catarinense Namie Isago venceram seus jogos e se garantiram novamente nas semifinais da categoria 14 anos feminino em Porto Alegre. Além delas, a brasiliense Isabel Oliveira e a paulista Camilla Bossi conseguiram vencer as partidas de quartas de final.

A chave masculina de 12 anos foi a que mais teve surpresas em relação aos cabeças de chave nesta sexta-feira, com vitória de apenas um entre os oito que jogaram em busca das quartas de final. Número 1 do ranking e principal cabeça de chave, o pernambucano Aécio Fonte Neto foi derrotado pelo carioca Guilherme Matta, enquanto o alagoano Gabriel Barbosa perdeu para o gaúcho Gabriel Tedesco. Terceiro e quarto favoritos, os paranaenses Lucca Liu e João Schiessl foram eliminados pelo paulista Zack Silva e o gaúcho Victor Tosetto. Os outros classificados para as quartas foram o paulista Diogo Pessoa, o catarinense Bruno Fernandez, e o baiano Leonardo Oliveira, além do paulista Lucas Silva, único cabeça de chave que segue na chave de simples.

Pela categoria 12 anos feminino, a gaúcha Amanda Oliveira fez valer sua condição de cabeça de chave 1 e se garantiu nas semifinais, assim como a brasiliense Maria Luisa Oliveira e a catarinense Carolina Laydner. A paulista Gabriela Siqueira levou a melhor no duelo com a conterrânea Ana Candiotto e também avançou.

A etapa de Porto Alegre do Circuito Juvenil Correios é realizado pela Confederação Brasileira de Tênis em parceria com a Federação Gaúcha de Tênis, com patrocínio dos Correios e apoio Asics, Tretorn e Associação Leopoldina Juvenil.

Confira as chaves e programação no site www.circuitojuvenilcorreios.com e fotos em Facebook.com/circuitojuvenilcorreios ou Flickr.com/cbtenis

A Confederação Brasileira de Tênis tem o patrocínio dos Correios – Patrocinador oficial do Tênis do Brasil, o co-patrocínio da Asics – marca esportiva oficial do Tênis no Brasil, e Tretorn – bola oficial do Tênis brasileiro, Unimed e Unimed Seguros. Apoio do Comitê Olímpico do Brasil (COB), Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) e Ministério do Esporte.

Circuito Juvenil Correios tem primeira rodada definida em Porto Alegre

Rodrigo Carvalho (SP) - Foto: Marcello Zambrana/CBT

Rodrigo Carvalho (SP) – Foto: Marcello Zambrana/CBT

Porto Alegre (RS), 26 de maio de 2016 – O Circuito Juvenil Correios iniciou nesta quinta-feira as chaves principais das categorias infantojuvenis e de transição na etapa de Porto Alegre, realizada nas quadras da Associação Leopoldina Juvenil, após a definição de todos os classificados do qualifying masculino e feminino. Nesta sexta-feira, os jogos acontecem a partir das 8h30 e o ex-jogador de futebol Falcão, ídolo de Internacional, Roma e Seleção Brasileira, marcará presença no torneio pela manhã para conferir os jogos.

A programação desta quinta-feira foi encerrada no final da noite com a primeira rodada de todas categorias definida, sendo que os últimos jogos realizados foram da categoria sub-23 anos feminino, com as tenistas Gabriela Azambuja (SC), Vitória Okuyama (PR), Nathalia Gasparin (PR), Alexandra Silva (SP), Laura Wayerbacher (RS) e Maria Jardim (GO) classificadas para as quartas de final. Destaque para Gasparin e Wayerbacher, que vieram do quali e não cederam games na partida de estreia na chave principal.

Na chave masculina sub-23 anos avançaram os tenistas Felipe Garla (PR), Gabriel Silva (SP), Pedro Machia (SP), Tulio Crepaldi (SP), Rafael Tosetto (SP), Hugo Muller (RS), Lucca Baptista (RS) e João Pedro Ferreira (MG). Os quatro tenistas que vieram do quali, Garla, Machia, Muller e Ferreira venceram a partida de estreia na chave e se garantiram nas oitavas de final.

A categoria 16 anos feminino teve garantidas nas quartas de final as tenistas Rafaela Manfrin (RS), Evelin Gouveia (SP), Gabriela Herwig (RS), Thainá Carvalho (NA), Luiza Fulana (DF) e Isabela Bifano (SP). Um dos principais jogos foi o de Manfrin, que enfrentou a capixaba Thaíssa Moreira na quadra 1 e teve um jogo equilibrado, decidido apenas no terceiro set.

Os tenistas classificados para as oitavas de final da categoria 16 anos masculino foram Enzo Alavaski (SP), Jackson Xavier (CE), Pedro Cordeiro (SP), Leonardo Petri (RS), Rodrigo Carvalho (SP), Eduardo Taiguara (PR), Mateo Reyes (SC) e Igor Koshiba (SC). Os paulistas Carvalho e Cordeiro vieram do quali e conseguiram avançar na chave principal contra tenistas do mesmo estado.

A paranaense Julia Klimovicz e a brasiliense Bruna Sampaio protagonizaram o duelo mais longo desta quinta-feira, com 4h de duração e vitória de Klimovicz com parciais de 6/7(3) 7/6(2) 7/6(3) na categoria 14 anos feminino. Além de Klimovicz, também avançaram às quartas de final as jogadoras Erika Cheng (SP), Isabel Oliveira (DF), Sophia Xavier (RS), Camilla Bossi (SP) e Isadora Machado (RS). As gaúchas Sophia Xavier e Isadora Machado aproveitaram a vaga do quali e venceram a rodada inicial.

Pela categoria 14 anos masculino, avançaram os tenistas Matias Rasmussen (SP), Thiago Cesário (DF), Vinicius Rodrigues (SP), Gabriel Generoso (SP), Gabriel Constantino (SP), Marcelo Romboli Filho (SP), Matheus Fachin (RS) e Guilherme Zotin (RS). Rasmussen e Rodrigues foram os atletas do quali que venceram a estreia na chave principal e estão nas oitavas de final.

Tenista que defendeu o Brasil no Sul-Americano de 12 anos feminino, a brasiliense Maria Luisa Oliveira venceu de virada para se garantir nas quartas de final. Além dela, se classificaram Alice Visnevski (SP), Nicole Serraglio (PR), Carol Oliveira (BA), Carolina Laydner (SC) e Gabriela Siqueira (SP). Oliveira e Serralho vieram do quali.

A chave masculina de 12 anos teve classificados para as oitavas de final os tenistas Guilherme Matta (RJ), Diogo Pessoa (SP), Zack Silva (RS), Ricardo Rockenbach (RS), Bruno Fernandez (SC), Victor Tosetto (RS), Leonardo Oliveira (BA) e Gustavo Tedesco (RS). Jogando em seu estado, Rockenbach foi o único que furou o quali a avançar na chave principal da categoria.

A etapa de Porto Alegre do Circuito Juvenil Correios é realizado pela Confederação Brasileira de Tênis em parceria com a Federação Gaúcha de Tênis, com patrocínio dos Correios e apoio Asics, Tretorn e Associação Leopoldina Juvenil.

Confira as chaves e programação no site http://www.circuitojuvenilcorreios.com e fotos em Facebook.com/circuitojuvenilcorreios ou Flickr.com/cbtenis.